15 de nov de 2010

Sobre a esperança

A esperança pousou sobre mim. Espiei prá cara dela e ela prá minha. Presa no útero estava, sufocada. Depois voou e pariu momentos de alegria.

Nenhum comentário :

Postar um comentário